GRD – Você já faz o seu?

O mercado atual é caracterizado pela concorrência acirrada entre as empresas e exige um esforço cada vez maior das organizações para a obtenção de um bom desempenho. Este se dá através da melhoria de processos, e da busca constante para atingir a qualidade necessária a fim de garantir a satisfação dos clientes. Este desempenho excelente pode ser alcançado de diversas formas, entre elas através do gerenciamento da rotina diária.

Gerenciar a rotina diária é mapear todas as atividades da empresa que contribuam para a realização das operações diárias e ao mesmo tempo transmitir para as pessoas essas atividades por meio da representação gráfica (fluxogramas) da rotina de cada processo. O grande objetivo do GRD é delegar, portanto, a rotina diária deve ser desenvolvida por todos os associados nas atividades cotidianas da empresa.

É interessante ressaltar que o Gerenciamento de Rotina controla as atividades realizadas na organização no intuito de maximizar a excelência destas. Todo esse processo pode ser aplicado em qualquer setor da empresa e para ser eficaz, precisa adequar o comportamento e conduta de cada profissional envolvido, visto que muitos deles possuem dificuldade para lidar com mudanças na rotina de trabalho e sair da zona de conforto. Portanto, a habilidade de comunicação também é muito importante para que o Gerenciamento de Rotina funcione corretamente.

Para se iniciar um processo de Gerenciamento de Rotina é preciso entender que toda empresa tem uma finalidade e que para se alcançar essa finalidade é preciso um meio e esse meio é o método de gestão empregado pela empresa. O primeiro passo é padronizar as tarefas, reunir nos fluxos de cada tarefa as melhores pratica existentes na empresa, feito isso é preciso identificar as atividades criticas, aquelas que se não forem bem executadas causam um grande impacto na empresa.

Podemos concluir que o Gerenciamento da Rotina Diária, proporciona às empresas uma padronização das tarefas operacionais, possibilitando cada pessoa assumir suas responsabilidades, o monitoramento dos resultados dos processos, para assim executar ações corretivas necessárias e consequentemente a melhoria contínua.

Em suma, pode-se dizer que a aplicação desta metodologia, pode trazer benefícios significantes para as organizações, embora seja importante lembrar que todo processo exige melhorias contínuas para alcançar a excelência.

Leave a reply